Não dá pra ser feliz dizendo que precisamos ser guerreiros. Também precisamos ser meninos, que reconhecem suas fraquezas. Muitas vezes fracassamos por não reconhecermos as nossas próprias fraquezas. Na vida precisamos ser guerreiros com alma de menino, pois sendo como menino é mais fácil chorar… Falta vento. Por isso parei. Parei e chorei. E reconheço meu lado frágil, criança, humana. Sinto. Sinto muito. Falta-me força, sou apenas uma menina. Falta-me paciência porque o que eu quero mesmo é ser feliz agora… E ser feliz não é para mentes tão pequenas, tão mesquinhas. Ser feliz demanda inteligência. E inteligência, felizmente, é para poucos. Garrafinha. Respirando. Caminhando. Quem quiser, sente aqui comigo. Faça-me um cafuné, enxugue minhas lágrimas, segure a minha mão. Prometo que quando o sol vier, seremos uma só alma em busca de dias cada vez melhores…

Por Clara Mendes

Vale a visita: http://katizan.flogbrasil.terra.com.br/

Anúncios